Canais
Como aderir ao GESPÚBLICA

 

1ª Fase

Etapa I

Palestra proferida a todos os integrantes da Organização no propósito de sensibilizá-los a aderir ao Programa GESPÚBLICA.         

 

Etapa II

Indicação pelo Representante da Organização de 3 (três) servidores para gerir o Programa.

 

Etapa III

Os servidores indicados serão capacitados para atuarem como Avaliadores Internos da Gestão e disseminadores do Programa.

 

Etapa IV

Os Avaliadores Internos da Gestão, juntamente com os demais servidores, elaboram o Perfil Organizacional  e realizam a Auto-Avaliação das suas práticas de gestão.

 

Etapa V

Realizada a Auto-Avaliação, a  Organização envia o Relatório a coordenação estadual do GESPÚBLICA, que acionará consultores externos do GESPÚBLICA para validar o Diagnóstico Organizacional.

           

Etapa VI

O processo de validação da Auto-Avaliação é realizado com  a Liderança e os funcionários da Organização que, juntamente com um ou dois consultores externos, chegam a consenso acerca da pontuação alcançada.

 

Etapa VII

Validado o Diagnóstico Organizacional, o Programa Nacional de Gestão Pública e Desburocratização – GESPÚBLICA emite um Certificado de Reconhecimento de Nível de Gestão, cuja validade expira-se em 1 ano e 3 meses.           

 

2ª Fase

Etapa I

A Organização elege os pontos considerados críticos e elabora o seu Plano de Melhoria, que é colocado imediatamente em execução.

 

Etapa II

A Organização monitora periodicamente as melhorias implantadas em suas práticas de gestão, mensurando os seus resultados.        

 

Etapa III

Decorrido um ano,  a Organização realiza novamente sua Auto-Avaliação, utilizando, dessa feita, um instrumento mais rigoroso (500 Pontos), cuidando de descrever as suas práticas de gestão.

Etapa IV

Submete outra vez a Auto-Avaliação a consultores externos do GESPÚBLICA, que validarão o exercício.     

 

Etapa V

Validado o Diagnóstico Organizacional, o GESPÚBLICA emite novo certificado reconhecendo o nível de gestão da organização.

 

Etapa VI

Inicia-se novo ciclo de melhorias.

 

3ª Fase

Após 3 (três) ciclos de avaliação na 2ª Fase, inicia-se a utilização do Instrumento de 1.000 pontos. Essa é a 3ª Fase, oportunidade em que a Organização poderá concorrer ao Prêmio Nacional de Gestão Pública - PQGF. Se validada a sua pontuação, a Organização é classificada como sendo de “Classe Mundial”, ou ainda, “Padrão Internacional de Qualidade”

 

Publicado no site em: 15/05/2007
Autor: SEPOG